Vídeo tem cenas gravadas em uma unidade de internação para jovens infratores.

A rapper brasiliense Vera Verônika mira sua música em uma denúncia à passividade com os problemas sociais do Brasil e como vários deles são reflexões de uma corrupção sistêmica.

Seu novo clipe “Pátria Amada” faz parte do DVD “Vera Verônika 25 anos” e chega agora ao YouTube.

Confira:

O vídeo foi gravado nas ruas de São Sebastião, cidade satélite de Brasília, e na Unidade de Internação de Jovens Infratores da cidade (UISS), contando com participação de jovens internos integrantes do projeto Orquestra de Violinos da UISS.

Vera Verônika sempre usou sua música como plataforma para discutir questões sociais. É o caso alguns dos seus mais recentes clipes: “Genocídios” trata dos jovens negros executados nas periferias, enquanto “Profissão Perigo” fala dos desafios de ser professor. No novo vídeo, o alvo a ser superado é muito maior.

“Essa música faz um apelo aos brasileiros para lutarem juntos pelos seus direitos básicos de saúde, educação, segurança e moradia”, conta Vera Verônika.

Uma das pioneiras no rap nacional e primeira rapper feminina do Distrito Federal, Vera encontrou na cultura do hip hop a força necessária para lutar contra tudo o que parecia injusto.

Rapper, compositora, mantenedora de abrigo infantil, pedagoga, empreendedora e consultora nas causas de Direitos Humanos, Vera Verônika sempre foi muitas mulheres.

A artista segue revelando novas faixas e clipes após lançar, este ano, o DVD “Vera Verônika 25 Anos” e o álbum “Afrolatinas”.