O videoclipe será lançado na CCXP, o maior evento de cultura pop do Brasil

O duo Tropkillaz acaba de lançar seu mais novo single, “Quem Mandou Chamar”, que conta com as participações da cantora Iza e do rapper Matuê.

[Ouça e baixe aqui]

É algo bem inesperado para o público, um feat da Iza com o Matuê, mas estou muito feliz com o resultado e acredito que os fãs de ambos também vão ficar”, conta Laudz, do Tropkillaz.

A faixa foi gravada no famoso estúdio Nas Nuvens, fundado em 1984 pelo produtor Liminha e o cantor e compositor Gilberto Gil. Localizado no Jardim Botânico, Zona Sul do Rio de Janeiro, o local é uma verdadeira fábrica de hits que já recebeu grandes nomes da música brasileira, como Lulu Santos, Titãs, Kid Abelha, Paralamas do Sucesso, Toni Garrido, Fernanda Abreu, Planet Hemp, Nação Zumbi, entre outros.

Para Zegon, que já gravou mais de 30 discos no estúdio, foi a escolha perfeita.

É um estúdio onde eu gravei muita coisa, o Laudz ainda não conhecia, e eu não ia até lá tem muito tempo e é um estúdio que tem um super astral e acabou sendo uma volta a um lugar que traz muita sorte”, conta o DJ e produtor.

“Quem Mandou Chamar” chega acompanhada de um videoclipe, que terá a sua estreia no palco Creators da CCXP Brasil. A produção é uma animação estrelada pelos próprios artistas em formato 2D e quem assina a arte é Esteban Valdez, conhecido por seus trabalhos em Sugar and Toys, Axe CopKappa Mikey  e Three Delivery, além de ser fundador do estúdio responsável pela produção, Echo Bridge. Já a direção é de Omar McClinton, conhecido principalmente por seus trabalhos em efeitos especiais e que traz em seu currículo produções como Batman: Cavaleiro das TrevasDigimon: O FilmePower Rangers ao Reasgate, entre outros.

O videoclipe estará disponível no canal oficial do YouTube do Tropkillaz logo após o lançamento no painel  chamado: Pela união dos seus poderes, eu sou a cultura pop! Como a música, o cinema e os quadrinhos se uniram pra revolucionar a criação de videoclipes, que acontece hoje (06), às 17h, na CCXP Brasil 2019.

Para mais informações acesse https://www.ccxp.com.br/

Saiba mais sobre o Tropkillaz:

O Tropkillaz surgiu a partir da união de dois dos maiores produtores e DJs do Brasil: Zegon e Laudz. A dupla representa o melhor da musica urbana no Brasil e no mundo. O resultado é um som único, misturando bass music aos mais diversos estilos de dance music e sons tropicais do Brasil, como funk, samba, passando pela house music até ritmos jamaicanos e o hip hop, fazendo um set com muita energia que agrada a todos os tipos de público e pistas de dança.

Tendo seu pontapé inicial no hip hop Brasileiro, Zegon é um dos mais experientes produtores nacionais, fez parte da formação mais clássica do Planet Hemp, e expandiu para o resto do mundo trabalhando com grandes nomes como Kanye West, M.I.A, Jorge Ben Jor, entre outros.

Laudz vem da nova geração de produtores e DJs, mas apesar da pouca idade, já chamou a atenção de grandes nomes mundiais como Snoop Dogg e Dr. Dre.

Juntos, eles já trabalharam em produções e remixes de artistas como Major Lazer, Childish Gambino, Dj Snake & Justin Bieber, Jason Derulo, Sting , Anitta, Criolo, entre muitos outros.

Nos últimos anos, o Tropkillaz lançou mais de 100 musicas, entre singles autorais e remixes, atém de ter tocado nos principais festivais e clubs do mundo (fizeram mais de 300 shows em 30 países diferentes). Em 2018 iniciaram uma nova fase de sua carreira: assinaram um acordo global com a Universal Music, e já lançaram mais três sucessos: “Milk & Honey”, em parceria com o cantor norte-americano Aloe Blacc, “Loko”, com Major Lazer, Kevinho e Busy Signal, e “Bola Rebola”, com Anitta, J. Balvin e MC Zaac.

“Bola Rebola” foi instantaneamente um sucesso e bateu um milhão de streams em apenas 12 horas no Spotify, além de ter sido a música mais transmitida na plataforma no Brasil por mais de 30 dias.  No iTunes alcançou rapidamente o 1º lugar no ranking de downloads no Brasil, também entrou no 2º lugar no Equador, Top 20 em Portugal e Top 100 no México, Espanha, Suíça e Itália. Já o videoclipe alcançou mais de 7 milhões de views em apenas 24 horas.