Show “Do Alto do Morro” será apresentado gratuitamente no Centro Cultural Vila Marçola

Se é pra cima do morro que a favela cresce, é lá de cima do morro que MARQUIM D’MORAIS tira sua inspiração para transformar seu cotidiano em músicas que provocam reflexão e reivindicam seu lugar de direito. O cantor é cria do Aglomerado da Serra, e neste sábado, 07/12, faz um show gratuito para sua comunidade, no Centro Cultural Vila Marçola, a partir das 17h. O álbum “Do Alto do Morro”, que dá nome ao show, é fruto de sua vivência periférica e retrata em suas letras e melodias um conceito poético de pertencimento e resistência.

“O alto do morro é o melhor lugar para estar, porque aqui é o mais perto do céu que eu consigo chegar”, afirma MARQUIM D’MORAIS em uma das faixas do CD. A simplicidade com que o artista compartilha seu cotidiano com o público, encanta pela verdade contida nos versos e contrasta com a complexidade dos acordes. O resultado é um trabalho belíssimo, que transcende os limites físicos e lúdicos, provocando sensações e reflexões.

Depois de uma série de apresentações em espaços variados da cidade, o cantautor retorna ao seu lugar de origem com uma junção de ritmos variados, como rap, soul, reggae, baião, maracatu e capoeira, que dão o tom certo para tratar de um contexto social, muitas vezes, esquecido ou menosprezado. Todo o processo de concepção do álbum envolveu muito cuidado, e é o próprio MARQUIM D’MORAIS quem assina a direção artística do trabalho.

As vivências, experiências, linguagens e saberes de todos os profissionais envolvidos nesta obra ficam evidente por sua qualidade, originalidade e musicalidade. “Do Alto do Morro” tem uma sonoridade ímpar, com uma visão bonita do que é a vida na terceira maior favela do país. Totalmente autoral, o trabalho não deixa dúvidas de que MARQUIM D’MORAIS é um grande músico, compositor e produtor.

Um convite a quem curte música de qualidade, o show conta ainda com a participação de grandes artistas da cena local. Com Iaiá Drumond, no apoio vocal; Marcílio Rosa, na guitarra e violão; Rafael Mattos, na bateria; e Carlos D’Elia, no baixo; o palco vai ficar pequeno para tanto talento. O figurino é assinado pela marca “MDM Eleve-se”, a iluminação fica por conta de Edmar Pinto e a produção é de Fernanda Oliveira, da Cria Cultural. A apresentação integra a programação do Descontorno Cultural.

Serviço:

Local: Centro Cultural Vila Marçola – R. Mangabeira da Serra, 320, Belo Horizonte/MG

Data: 07 de dezembro de 2019

Horário: 17h

Entrada Franca