Renan Inquérito tem um arsenal que foi colecionando em sua trajetória, objetos pessoais que se convertem em armas poéticas: seu microfone, seu megafone, sua caneta vermelha, seus livros, os pinos, as polaroides e os monóculos! Todos eles são munição para que suas rimas saiam das folhas e passem a habitar o mundo.

Agora ele nos apresenta a mais nova arma de sua coleção: “Bumerangue”, título de seu sétimo disco que vem para celebrar os 20 anos de carreira e será lançado como um bumerangue: no ar, no tempo, trazendo de volta músicas “perdidas” em discos anteriores. São releituras de sons antigos com novas participações e sonoridades, experimentações que ainda renderam espaço para canções inéditas que também estarão no álbum realizando velhos desejos musicais e surpresas que serão reveladas mês a mês neste ano de 2019.

“Não quero lançar o disco todo de uma vez como sempre fiz, quero lançar uma música por mês, afinal é um aniversário de 2.0 poxa, uma data muito especial, não pode durar um dia só ou um mês, tem que durar o ano todo! A gente rala tanto mas a comemoração é sempre tão rápida… Quero que ouçam meus sons várias vezes, tipo aquele efeito Boomerang do celular, ficar indo e voltando saca? rs.”

O projeto, que comemora duas décadas dedicadas ao hip-hop, tem sua estreia no mesmo mês de aniversário do rapper, com o lançamento do single C CONSEGUE 2.0 que traz uma letra toda construída com palavras começadas em C, gravada pela primeira vez em 2004 no disco de estreia Mais loco que u Barato! Todas as músicas serão acompanhadas por um vídeo clipe.

“Escolhi abril porque é o mês do meu aniversário, mês em que supostamente “descobriram o Brasil”, mês que lembra tanto a letra C, de Cabral, caravelas, capitanias e até hoje continua, com chacina, capitão, corrupção, capitalismo e tantos outros C´s”.

O Bumerangue do Inquérito percorre 20 anos de história, com a rapidez e a sacada de suas rimas – 20 anos luz de Ritmo, Amor e Poesia. Tem muita história, tem entrega, paixão e luta.

Confira “C Consegue 2.0”: