Em seu primeiro vídeo, Gabriel Lou vive mais um dia em busca da alegria

Esse sentimento é personificado na forma de uma mulher, em um clipe repleto de sentidos e interpretações para sua narrativa.

O primeiro momento do clipe representa a rotina e depressão que cansam o jovem MC de São Paulo, abrindo portas para o resto da história.

As interações de Sol (Mariana Monteiro, Vocalista da banda Zandare) com Gabriel são regadas de um clima de amor, mistério e dúvidas, uma fonte de conclusões para cada espectador.

A estética de “Mundo nos Ombros” se mostra ao espectador quase como contradição, entre os sentimentos e a musicalidade explorados pelo Lou e as cores amareladas que remetem a sentimentos positivos, talvez proporcionados por esse breve encontro com a felicidade.

A produção do clipe de forma independente entre profissionais que, antes disso, são amigos, ajuda a transparecer o sentimento que Gabriel Lou traz em suas obras, assim como nesse audiovisual.

Toda produção do clipe ficou por conta da Step Up, com a direção e roteiro de Christiano Cavlak e assistência na produção de Bruno de Paula e Guilherme Piva.

Confira o clipe de “Mundo nos Ombros”: