Grupo de mulheres mostra sua potência artística com lançamento de um single e videoclipe

No dicionário a palavra “fenda” é definida como uma abertura estreita, mas em Belo Horizonte o termo está prestes a ganhar um significado mais amplo e promissor. FENDA é um grupo de cinco mulheres que se uniram para aumentar sua visibilidade e estão dispostas a se aventurar por novos ritmos ao mesmo tempo em que escancaram uma abertura para o feminino dentro do hip hop.

Laura Sette, Mayí, Iza Sabino, Paige e DJ Kingdom foram os nomes escolhidos para encarar essa missão. O potencial artístico emergente das quatro cantoras e da DJ dá indícios de quão poderosa é essa junção, que teve sua estreia na abertura do show do Criolo em novembro de 2019.

Mostrando a cara de uma nova geração, o grupo é versátil e une diferentes ritmos para expressar seu multifacetado universo feminista. Seja no rap, no trap, no pop ou no dancehall, essas mulheres possuem identidades próprias que dialogam entre si criando algo inédito na cena cultural belorizontina.

FENDA está quebrando barreiras e atravessando fronteiras a passos firmes. E esse é o começo de uma longa estrada repleta de aprendizados e desafios. No fazer artístico, traçar um novo caminho de amadurecimento requer uma coragem que só um time girl power encararia. A força para isso vem das vivências e da vontade de abrir caminho para outras mulheres, sempre com muita autenticidade e verdade.

Em meio a essa efervescência de ideias e anseios o grupo mostra a que veio e já apresenta ao público seu primeiro single com um videoclipe. Com versos de empoderamento, “não se ofenda” é dançante e envolvente. O beat do Coyote, um dos principais nomes da cena musical da atualidade, reconhecido no Brasil e internacionalmente, dá o alicerce perfeito para sustentar essa força lírica.

O clipe foi dirigido por Celina Barbi e construído em plano sequência. As imagens refletem a mensagem da música e demonstram que o espaço que essas mulheres querem ocupar será
conquistado pela potência do coletivo. Pixações e referências a revoluções históricas compõem o quadro e indicam que FENDA chegou para suprir uma necessidade social pulsante, podendo dialogar com os mais persos públicos e provocar mudanças.

Lançado no dia 29 de janeiro, o resultado dessa parceria pode ser conferido no canal do grupo no YouTube  e via Streaming. FENDA é resultado de uma criação da Macacolab, um braço de laboratórios e experimentações da produtora de entretenimento A Macaco, e promete presentear o público com um lançamento por mês durante todo o ano de 2020.