A cantora Beyoncé e o marido Jay-Z marcaram presença na final do Super Bowl LIV (Partida de futebol americano da NFL), no Hard Rock Stadium de Miami, Estados Unidos, no último domingo (2), e acabaram por protagonizar um momento controverso. O casal permaneceu sentado durante a execução do hino nacional, que foi cantado por Demi Lovato.

Não se levantar para a execução do hino nacional, na maioria dos países, é considerado um ato desrespeitoso. Cientes disso, Beyoncé e Jay-Z permaneceram sentados na arquibancada, ainda que estivessem atentos e assistindo à performance de Demi Lovato.

O caso faz lembrar o do jogador Colin Kaepernick, que foi banido da NFL por não se levantar para o hino nacional. Ao contrário, ele se ajoelhou no momento da execução do hino, em protesto contra a brutalidade policial contra afro-americanos. Jay Z foi um de seus defensores, até assinar com a National Football League e mudar seu discurso.

O Gesto que não passou despercebido e gerou uma onda de revolta no Twitter.

Muitos norte-americanos criticaram a dupla, chamando-os de “hipócritas” e afirmando que se tratou de um comportamento antinacionalista.

[Confira o vídeo clicando aqui]