Três rappers da cena baiana que estão no corre já há um tempo, inclusive já apareceram por aqui, se reuniram em um trabalho. E o resultado foi ótimo. Ramon Kaizen, Yan Cloud e Ramires AX, que desenvolvem trabalhos solos se uniram no grupo e projeto: Trindade.

O som de estréia veio com tudo. Com beat de R.A.X Beats os três chegaram pesados na lírica, flow e técnicas. Uma prévia de ótimos trabalhos que prometem sair.

Destaquei um trecho de cada MC para vocês terem uma ideia de como vieram pesado:

“Numa noite tensa, fio
Então pensa, viu
Minha mente é extensa, tio
Segundo minha vó, o rap é minha doença fio
De longe vejo o giroflex das puta, mas não
a que te pariu” (Ramon Kaizen)

“Amores falsos e não recíprocos
Onça tem amigo e atendimento é S.U.S
Igrejas vendem em nome de Jesus
Polícia mata e se esconde atrás do capuz” (Yan Cloud)

“Barriga ronca como sempre, vendo a noite sumir,
Vendo carro passar pessoas a ir e vir
Cada dia mais magro a fome é o porquê
Pessoas olham pra ele, mas não o conseguem ver” (Ramires AX)

Deu pra perceber que o som vem recheado de críticas e boas idéias imersas em uma lírica avançada né? Então dá um play aí e confere.