Durante 2017, Rashid se dedicou a desenvolver um trabalho contínuo, o projeto Em Construção, criado e executado em partes ao longo dos últimos meses.

As 8 faixas lançadas como singles estão compiladas no álbum Crise, sétimo título oficial na discografia do MC.

Crise será lançado na íntegra em 19 de janeiro, quando chega a todos os serviços de streaming. O tracklist final inclui duas inéditas, “Música de Guerra” e “Pés na Areia (Promessas)”, respectivamente a faixa de abertura e a faixa final. “Música de Guerra” é a próxima a ganhar videoclipe e dá continuidade ao lado audiovisual do álbum (que teve todas as faixas lançadas com vídeos); a composição tem produção assinada por Nave. “Pés na Areia (Promessas)” traz participação de Godô na voz e produção do DJ Duh.

Na última sexta-feira (5), Rashid postou a capa de Crise, uma foto estilosa que sugere muitas interpretações. Para ele, a capa e o título casados trazem a dualidade e a polaridade da vida. Pensado como um paralelo da crise do país com a crise pessoal de cada um, “o trono e a cara de preocupação contradizem as expectativas das pessoas – por melhor que você esteja, não significa que não tenha problemas; ou, por mais problemas que tenha, não significa que esteja em queda”, diz Rashid entregando o contraponto da imagem. A capa simboliza os dois lados de uma mesma moeda, “não é o bem contra o mal, é mais para ‘tá tudo bem, não tá tudo tão bem assim’”, como ele gosta de dizer.

Rashid se apresenta em Salvador, no sábado (20), ao lado de DJ Mr. Brown e Godô, no Largo Tereza Batista (Pelourinho), com participação de Kamau. No repertório, antigas como “Que Assim Seja” e “Patrão”, canções do último álbum A Coragem da Luz e novas, como “Estereótipo” e “Bilhete 2.0”.