Crianças de Itanhaém representam o Brasil na Porto World Battle, na Europa, em 2019

B-Girl Angel, de apenas 8 anos, que está entre as 2 melhores B-Girls Kids do Brasil, considerada a B-Girl mais nova do país, junto com seu irmão, o B-Boy Eagle, de 11 anos, foram convidados para juntos representarem o Brasil na final mundial da “Porto World Battle”, o evento reúne os melhores dançarinos do mundo e acontece em maio de 2019, em Portugal.

Chaya Gabor, mais conhecida como B-Girl Angel, a polaca do Litoral de São Paulo, frequentemente vem se destacando em grandes eventos. Só no ano passado, juntamente com o irmão Yeshua Rebello, conhecido como B-Boy Eagle, estiveram nos melhores campeonatos de Breaking do país, destaque para: Rival Vs Rival, Breaking Combate, Master Crews, BreakSP Battle, Quando as Ruas Chamam (Brasilia), B-Boy World Classic, Ar Dance, Campeonato Tattoo Experience, Festival Santos Café, entre outros.

Movimentos difíceis, sim. Porém, não retratam nem de perto a situação que Chaya e sua família viveram no início de sua caminhada: sua primeira grande batalha foi travada ainda com poucos dias de vida, desenganada pelos médicos e com poucas possibilidades de sobreviver, nasceu prematura extrema, pesando apenas 850 gramas. Entre fios, aparelhos e 90 dias de UTI, lutou bravamente pela vida. E sobreviveu!

Na dança, que é a sua grande paixão, B-Girl Angel começou com 3 anos, na Academia Fenix, em Peruíbe. Seu primeiro contato com a arte da dança foi através do ballet e do sapateado, depois, conheceu o Breaking com o professor Zeca Break, o que a fez mergulhar de corpo e alma nos movimentos que vinham das ruas, junto com seu irmão B-Boy Eagle, de 11 anos. Mas foi em Itanhaém, com ajuda e total apoio da família e de amigos, que começou a evoluir rapidamente, despontando nos grandes eventos como a B-Girl mais nova do Brasil, sendo uma grande promessa da nova geração do Breaking Brasileiro.

A menina se destaca por ter um estilo peculiar e diferente. Dança hora contra crianças e hora contra adultos! Quando entra numa roda de dança, esquece tudo e se diverte.

Angel faz parte da Lions Beat Crew, da Academia On House, que tem se tornado bem conhecida no Litoral paulistano pelo trabalho social de arte e cultura que faz. Angel, junto com o irmão, treinam também em São Paulo, com o seu Coach, o B-Boy e Produtor Eder Devesa.

No início de 2018, foi destaque no evento “Quando as Ruas Chamam” em Ceilândia, DF, onde chegou na semi-final e, recentemente, participou do World B-Boy Classic, no Teatro Sergio Cardoso, em São Paulo.

“Esse ano passamos por algumas decepções no meio da dança, ninguém está livre de cair na mão de pessoas erradas, mas nada disso matou os nossos sonhos ou a nossa vontade de vencer e fazer a diferença! Dançamos porque gostamos! Receber o convite da PWB por meio do nosso Coach Eder Devesa foi um presente dado por Deus. É a primeira vez que vamos sair do nosso país para competir representando o Litoral de São Paulo, que temos muito orgulho e o Brasil! comenta o B-Boy Eagle.

B-Girl Angel acrescenta: “Somos da praia com orgulho! A Deus dedicamos toda a nossa dança e a nossa vida! Vamos fazer o nosso melhor em chão europeu e representar o nosso país!”.