O festival Periferia 360° terá suas principais atividades e shows, no dia Mundial do Hip-Hop nos dias 12/11/2016 – 13/11/2016 no Museu da República Brasília –DF com início das atividades as 13 horas, recebendo atrações de vários estados e o Distrito Federal com mais de 50 atrações entre bboys, grafiteiros, djs, poetas e rappers.

O evento vai ter shows, exposição de artes, carros, basquete de rua, queimada, golzinho, batalhas de Mcs e Bboys, poesias, festival de pipas, encontro de vinil, capoeira, debates e palestras sobre “Genocídio da juventude negra” e “Falsa abolição luta e força da mulher negra e periférica”, e pretende ser um dos maiores eventos de hip-hop das Américas passando nas maiores regiões do DF.

 O periferia 360º nasceu na necessidade do movimento hip-hop de Brasília ter um evento de alcance nacional, todo idealizado e pensado por moradores e jovens das periferias, que desse oportunidades aos grupos iniciantes para mostrarem seus trabalhos e promover uma interação nos movimentos de cultura de Rua, agregando e ampliando novas vertentes do movimento, daí nasceu a ideia de Sob um céu com vista de 360º da capital.

As intervenções dos rappers no Festival serão promovidas como um “ato público” de conscientização coletiva em favor de um pacto pela valorização da Vida, sobretudo no combate a violência, a criminalidade, a discriminação e a intolerância, que a princípio terá como compromisso em difundir o gênero Hip Hop como movimento cultural de massa, instituindo uma maior abertura para difusão da criatividade artística da nova cena musical e poética da Cultura Rua na Capital Federal.

Atrações:

DJs: Markynhos (Smurphies Disco Club), Mallu, Janna, Jean, Marola, Jamaika, Jr Killa, Hercules, Alex Freeze.

Grupos e Mcs: Bella Dona, Vera Verônika, Sobreviventes de Rua, Marquim  (Tropa de Elite), Japão (Viela 17), Liberdade Condicional (Vida Eterna), Guind’Art 121, Coktel Molotov, DBS Gordão Chefe, Rei (Cirurgia Moral), Voz Sem Medo, GOG, Crônica Mendes, Maskavo, Markão Aborígene, União do Guettho, WTY e Jane, Clan 061, Etnia das Ruas, TheGust Mc’s, Quadrilha Intelectual, Dialeto, Diamond Rap, Mc Drama, Leo Dacrimi, Revel, Mc Qualhada, Stein, CTS, Conecta Drama – SP, Tropa h2 – GO, Black e Cia, Minas do Guetto, Arcanjo Ras – SP, Rap Plus Size – SP, Mc Marinho, Mc Zen, Mc 220, Mc Kaemy – GO,  Mc Draw, Mc Singelo,  MV Bill e vários outros.

Batalha de MC’s e Batalha de Break Dance.
Tudo isso por 0 Reais (ENTRADA FRANCA – 1KG DE ALIMENTO) ! 

 periferia_360_mub