Educador da periferia de São Paulo é convidado para debates na Itália, Bélgica e França

O educador e escritor Rodrigo Ciríaco, 31 anos, representa o Brasil – e parte da literatura marginal-periférica – em terras europeias nos próximos dias. Entre 13 e 30 de março, o autor passará pela Itália, Bélgica e França para fazer divulgação de seu trabalho como contista, educador e ativista cultural.

A viagem faz parte de um edital da Fundação Biblioteca Nacional para a Promoção da Literatura Brasileira no Exterior. O convite veio da Anacaona (http://www.anacaona.fr) editora francesa que em 2011 publicou o livro “Je Suis Favela”, que traz contos de Marcelino Freire, Ferréz, Marçal Aquino, Sacolinha, Alessandro Buzo, Rodrigo Ciríaco entre outros traduzidos para o francês. Rodrigo participará de atividades ao lado de Ferréz e Marçal Aquino, também contemplados com o edital.

Entre as atividades que o educador e escritor participará, destacam-se leitura e debate com estudantes da Universidade de Milão (ITA), Universidade Livre de Bruxelas (BEL) e Universidade de Sorbonne (FRA), além de mesas redondas no 33º Salão do Livro de Paris. O autor fará ainda encontros e oficinas com grupos de pesquisa da cidade de Poitiers (FRA), grupos de estudo da literatura latino-americana e visita em escolas com turmas de Língua Portuguesa na cidade de Paris.

Nesta oportunidade será lançado também a coletânea “Io Sono Favela” (http://iosonofavela.it/), tradução para o italiano do livro homônimo, também pela Editions Anacaona.

“Estou muito feliz por ter esta oportunidade, pela maneira como aconteceu: o encontro feito pela editora dos meus textos através da Internet em 2009, o convite para a tradução, agora a viagem com recursos da Fundação Biblioteca Nacional. Ainda mais sendo eu o único entre os autores que nunca publicou livros por uma grande editora, é acreditar que seu trabalho tem consistência”, afirma. “A responsabilidade é grande: mostrar, além da militância cultural, social, que temos qualidade literária, e quem sabe assim manter as portas abertas para que outros parceiros e parceiras tenham esta mesma oportunidade em um futuro próximo”, comenta o escritor.

O autor e o Sarau dos Mesquiteiros

Rodrigo Ciríaco é escritor, educador e também autor do livro de contos “Te Pego Lá Fora” (Edições Toró, 2008) e participou da coletânea francesa “Je Suis Favela”, com contos traduzidos e publicados pela Editora Anacoana em 2011.

O Sarau dos Mesquiteiros acontece semanalmente no Jardim Verônica – Ermelino Matrarazzo, na zona leste de São Paulo, com o tema “Um por Todos, Todos por Um”, procurando valorizar o trabalho coletivo, solidário e cooperativo, além do protagonismo juvenil.