“Atlas Unfolded”, sobre o primeiro disco solo do co-fundador do Buraka Som Sistema, viajou por cinco países e tem episódio filmado em São Paulo

“Assim que cheguei a São Paulo, me senti como se estivesse sendo engolido por uma selva de pedras”, diz o produtor português Branko, co-fundador do grupo Buraka Som Sistema. “A cidade é tão grande e intensa que você tem que aceitar o fato de que nunca vai poder experimentar tudo o que quer.”

São Paulo é uma das cinco cidades do mundo que Branko escolheu para conhecer durante a gravação do seu primeiro álbum solo, Atlas. Com este projeto, o produtor quis mergulhar em cenas locais também da Cidade do Cabo, Nova York, Amsterdã e Lisboa e gravar com artistas emergentes de cada uma dessas metrópoles.

Na semana do lançamento do disco, a Red Bull Music Academy apresenta a série “Atlas Unfolded”, o documento visual da viagem de Branko. Nos vídeos, o produtor embarca em uma viagem sonora pelo planeta e se aprofunda em alguns dos movimentos musicais mais emocionantes da atualidade durante a produção do seu disco.

A websérie “Atlas Unfolded” acompanha interações verdadeiras dos músicos em estúdio à medida que elas acontecem, além de mostrar um pouco das novas cenas musicais de cada cidade por onde o artista passa. Depois de horas de trabalho gravando no Red Bull Studios em cinco cidades diferentes, Atlas vem à vida com uma longa e rica lista de colaboradores.

Na passagem por São Paulo, Branko, que também é DJ e ex-aluno da Red Bull Music Academy, conheceu e gravou com músicos, cantores e produtores, como Marginal Men, MC Bin Laden, Doncesão, Mauricio Takara & Guilherme Granado e Cícero. “Misturei estilos tão diferentes quanto o funk e jazz”, diz. “Passar uma semana em São Paulo é como passar um mês em qualquer outro lugar. Tem sempre algo acontecendo, um lugar novo ou uma festa para ir.”

“Atlas Unfolded” destaca o compromisso da Red Bull Music Academy de celebrar a música, a cultura e as mentes transformadoras por trás delas. Tendo seguido caminho musical e pessoal de Branko como um colaborador próximo por mais de 13 anos, a Academia permite que este ex-participante compartilhe a sua jornada pessoal com os seus fãs do mundo todo.