Nascido na pequena Santa Mariana, norte do Paraná e residente de Londrina, o rapper/beatmaker/videomaker, Éligê, 22 anos, é novo na cena, mas vem se destacando por sua originalidade. Agora acaba de lançar a releitura do som de seu amigo Rhuan Bocão chamado: Era de Tandera.

“Gosto de rimar sobre os assuntos mais profundos que meu braço consegue alcançar, tento fazer isso em linhas simples e certeiras. O rap é uma das poucas coisas que consigo dedicar automaticamente o máximo da minha atenção. Desde quando percebi que era possível eu fazer algumas rimas boas, isso tem tomado minha cabeça quase o tempo todo. No começo do ano lancei meu primeiro ep chamado “abrakadabra” e agora dou luz ao meu primeiro videoclipe. Tudo foi filmado entre amigos e foi editado por mim mesmo”. Escreve o rapper.
Dá o play aí e confira o trabalho.