Grupo de percussão recebe o rapper Emicida durante o festival Cena Peixinhos Ano II no próximo domingo

Tradicional palco da cena cultural pernambucana, o Nascedouro de Peixinhos sedia, a partir do próximo dia 12, o projeto Cena Peixinhos Ano II.  Numa programação pré-carnavalesca, apresentações diversas marcam o festival musical, incluindo o recém surgido projeto Combo X, projeto de Gilmar Bolla 8, que tem como carro chefe a percussão, sendo o primeiro grupo de Pernambuco a gravar com duas baterias.

Para somar ao show, o rapper Emicida desembarca em Recife para uma apresentação ao lado do coletivo, onde cantará duas canções “Avua Besouro” e “Viva”, fazendo o intermédio entre o rap – também presente no som do Combo X – e a percussão, que marca o primeiro disco do grupo, intitulado como “A Ponte” e que chega temperado por instrumentos de sopro, trombone, alfaias, guitarra, timbais, caixa, abe e gonguês.

Outras duas participações marcam a apresentação do grupo. Toca Ogan, da Nação Zumbi também se apresenta com o grupo, assim como Sandra Beleza, que vive em Bruxelas e está de passagem por Recife. O Combo X promete uma versão em francês.

Na última semana, e para marcar os 15 anos sem Chico Science, o Combo X liberou duas faixas do novo álbum. “Rua do Condor”, com participação do rapper Flávio Renegado – já ampliando o diálogo do Combo com o rap – e “São Benedito”, faixas que falam da batalha de Zumbi dos Palmares e das experimentações de capoeira e maracatu, sem deixar de lado a urbanidade do hip-hop.

Serviço – Para ouvir os sons do Combo X, visite o site oficial www.comboxpe.com.br

Cena Peixinhos

Nesta edição do Cena Peixinhos, a banda convidada é Nação Zumbi, que representa bem mais que um momento histórico musical que nasceu no bairro, mas que carrega em si uma identidade visceral com toda realizada. Além disso, a programação da Semana Pré-carnavalesca inclui apresentações de várias agremiações carnavalescas e de 06 bandas e 02 grupos de dança que representam a cena atual do bairro e tem inserção e envolvimento na comunidade, além de expressar fortemente a diversidade e a riqueza da cultura produzida em Peixinhos. São elas: Banda RDA, Banda Capim Santo, Banda MAKTUB, Banda Soul Raízes, Banda Etnia, Balé Afro Majê Mole e Balé Raízes. As bandas ainda receberão como convidados Toca Ogan, Marcaxé, Josildo Sá e o já citado Emicida.

Programação:
O evento será iniciado às 14 horas do dia 12 de Fevereiro de 2012 (domingo), na área externa da Refinaria Multicultural (anfiteatro), com a apresentação das agremiações carnavalescas em palco de apoio, onde deverão ser instaladas barracas para a praça de alimentação.
No palco interno a partir das 16 horas serão iniciadas as apresentações das bandas e grupos selecionados com a participação dos convidados até as 20h quando será iniciado o show da Nação Zumbi.
Esse evento representa uma oportunidade do público conhecer o trabalho de inúmeros artistas que fazem parte do berço do Movimento Mangue e que resistem e lutam para continuar produzindo sua arte enriquecendo cada vez mais a cultura pernambucana.