O opala foi o primeiro carro da Chevrolet lançando no Brasil em 1968. O veículo saiu de linha em 1992, mas não deixou de ser um sucesso em todo o Brasil.

“A previsão é mais de 1 milhão de unidades vendidas”, segundo o opaleiro Max Maciel. Max, também pedagogo e a ativista em defesa das juventudes, sempre leva a família para os encontros com colecionadores do automóvel.

No último domingo (15), Max e família participaram de um dia especial que celebrou os 50 anos de fabricação do opala no Brasil. O evento aconteceu na sede do Clube do Opala, no Núcleo Bandeirante. Cerca de 130 colecionadores se reuniram para expor os veículos para o público, que contou também com food trucks e brinquedos para as crianças.

Família do Clube do Opala.

Max Maciel é membro do Clube do Opala e acredita que é muito mais que colecionar carros é participar de uma cultura. “Meu pai sempre teve opala, eu cresci dentro de um. Desde então isso ficou na minha cabeça: eu queria ter um opala também”. Depois de 30 anos, Max conseguiu comprar seu próprio opala e carrega a família dentro dele.

“(O Clube do Opala) é uma família, vamos trocando conhecimento e passando a cultura opaleira de geração para geração”, afirma Max.